Incêndio de grande proporção desvasta mata na região central de Mairinque

Um incêndio de grandes proporções em vegetação no Centro de Mairinque, trouxe muitos transtornos a população e muitos danos ambientais. Populares comentaram que equipes do Corpo de Bombeiros estiveram no início da noite desta quinta feira, 06, controlando o incêndio próximo da Av. Lamartine Navarro, mas foram embora e o fogo continuou.

O Jornal Correio do Interior esteve no local, e próximo da meia noite o fogo ainda era intenso e nenhuma equipe do corpo de bombeiros ou defesa civil estavam no local. O fogo atingiu centenas de metros quadrados de área de mata, um cinturão verde que faz fundos com o CASM, Asilo e Horto Florestal da cidade.

No local, foi possível constatar indícios de corte irregular de árvores, com muitos troncos e galhos amontoados após corte com motosserra. Há possibilidade do incêndio ter sido criminoso, na tentativa de encobrir o desmatamento que já vinha ocorrendo no local.

O dano ambiental causado não se restringe apenas a queima de vegetação, uma vez que animais silvestres foram flagrados em residências ou atravessando a Estrada do Sertanejo e Av. Fabiano Fabiani, numa tentativa desesperada de fugir das chamas. Moradores do CDHU e área central entraram em contato com o Jornal para relatar que a fumaça estava densa demais, causando inúmeros transtornos, dificultando a respiração e o descanso durante a noite e madrugada.

Até o fechamento desta matéria, não houve notícias de que o Departamento de Meio Ambiente, Patrulha Ambiental da GCM ou da Polícia Militar estiveram no local para investigar as causa do incêndio e o possível crime de desmatamento. O Correio do Interior continuará acompanhando o caso e trará novas atualizações.

Img 0183
Loacal Tinha Indícios De Desmatamento Em Meio Ao Incêndio.