PUBLICIDADE

Prefeitura de São Roque foge de equipe de TV após questionamentos de UBS´s abandonadas

Igor Juan

1 de abril de 2019
Atualização:01 abr 2019 às 14:24

Ao meio-dia desta segunda-feira 1° de abril, uma informação destacada no telejornal TEM Notícias da TV Tem (Globo Sorocaba), mostrou a situação do abandono de duas Unidades de Saúde Básica em São Roque (SP) em que a um bom tempo encontram-se em abandono, situação que já foi noticiada e questionada por três vezes pelo Correio do Interior.

O fato abordado pela equipe de telejornalismo da emissora foi apenas mais uma situação entre muitas exibidas em portais de notícias, jornais e telejornais. Durante toda a manhã desta segunda-feira, a equipe de jornalismo da emissora tentou em contato com a prefeitura da cidade, a presença de algum representante da prefeitura para falar sobre as obras abandonadas, mas sem sucesso foi ignorada, o que levou a repórter Carolina Abelin até comentar ao vivo.

Nitidamente a posição da prefeitura mostra a preocupação em dar respostas à população da cidade em relação a esse e outros problemas pelo município.

Apenas uma das UBS que teve o investimento de R$ 1 milhão e 200 mil, ainda não gestão de Daniel de Oliveira (PMDB), está parada há a tempos e que deveria receber os cuidados da gestão atual, mas que não tem tido tanta importância na equipe no Governo Claudio Góes.

Espontaneamente o ex-prefeito da cidade, Daniel de Oliveira disse ao Correio do Interior que o problema das UBSs em abandono na cidade, ainda em fase de construção, já não é um problema ligado a ele, já que não é mais prefeito da cidade e que quando foi prefeito de São Roque e contratou as empresas para construção das UBSs, identificou que a responsável pela construção da unidade do Taboão, estava com problemas para levar a obra à frente e rompeu o contrato. Daniel destacou que os repasses do Governo o Federal atrasavam o que atrapalhava o andamento das obras e que todo pagamento efetuado está anotado é comprovado inclusive em requerimentos respondidos para vereadores.

Daniel ainda disse que quando rompeu o contrato com a empresa até então responsável pela construção das UBS´s, pensou que a atual gestão levaria o projeto à frente e diante a situação lamentou a situação enfrentada no momento pelos moradores da cidade e que independente de qualquer governo, ele gostaria de ver o desenvolvimento da cidade.

Procuramos diretamente pelo prefeito José Cláudio Góes para falar sobre essa situação e mais uma vez não tivemos retorno como de costume.

Igor Juan

Jornalista editor-chefe do Correio do Interior. Formando pela faculdade ESACM Sorocaba. Atuou na RedeTV!

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *