Ponte vence dérbi campineiro e deixa Guarani na lanterna da Série B


12/08/2019 l Atualizada em - 12/08/2019 às 19:07

A Ponte Preta venceu o clássico contra o Guarani, na manhã de ontem (11), no Estádio Moisés Lucarelli. O resultado deixou o Bugre na lanterna da Série B, com 13 pontos. A Macaca começou pressionando, e logo aos 7 minutos do primeiro tempo, criou sua primeira chance de gol com o centroavante Roger, que tentou desviar a bola cruzada na pequena área, por Camilo, mas não conseguiu.

Três minutos depois veio a resposta do Guarani, com o volante Deivid, após cobrança de falta de Bruno Souza, mas a bola saiu longe do gol. Aos 14 minutos do primeiro tempo, Roger tentou novamente fazer o primeiro gol da Ponte, após cobrança de falta de Diego Renan, mas o atleta estava impedido.

O jogo seguiu bastante truncado até os 30 minutos do primeiro tempo, quando o Bugre perdeu uma chance inacreditável, com o atacante Vitor Feijão, que mandou um balaço de fora da área. A bola passou muito perto do gol de Ivan. Porém, dois minutos depois, saiu o gol da Ponte, com o meia Matheus Vargas, que recebeu passe de Luiz Gustavo e na marca penal, mandou um foguete para o gol do Guarani, abrindo o marcador para a Macaca.

O segundo tempo começou com a Ponte precisando gastar todas as suas substituições, durante o intervalo e o retorno da partida, por desgaste físico. Mesmo assim, o time foi para cima do seu rival e aos 13 minutos da etapa final quase ampliou o placar, com o meia Marquinhos, que recebeu lançamento do lado esquerdo, sem marcação, ficou cara-a-cara com o goleiro, mas a defesa do Bugre chegou antes, para interceptar a jogada. Aos 15 minutos, a Ponte teve outro chute bloqueado, com Roger.

A primeira chance do segundo tempo do Guarani só veio aos 23 minutos do segundo tempo, com o meia Bady, que aproveitou falha da defesa da Macaca para finalizar, e obrigou o goleiro Ivan a fazer uma boa defesa. O jogo seguiu morno até os 38 minutos d segundo tempo, quando o lateral Diego Renan, em cobrança de falta para a Ponte, obrigou Kléver a fazer uma boa defesa.

A vitória fez a Ponte Preta subir do 9º para o 7º lugar e na próxima rodada, enfrenta o Figueirense, em Florianópolis (SC), no dia 15, às 21h30. Já o Guarani atua no dia 16, em Campinas, contra o Vila Nova (GO), às 21h30.

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *