Terça, 26 de outubro de 2021
PUBLICIDADE

Pais obrigam criança autista a comer cocô de cachorro

Gabriel Kazuo

24 de setembro de 2021
Atualização: 24 set 2021 às 11:24

Foto- Real Deodorense

A Polícia Civil conclui um inquérito, na manhã desta sexta-feira (24),  e irá denunciar à Justiça os pais de 4 crianças por maus tratos. Elas foram resgatadas no dia 29 de agosto, em Barra do São Francisco, no interior do Espírito Santo.

Dentre os 4 menores de idade, uma delas é autista, e segundo a denúncia, ela teria sido obrigada pelos pais a comer cocô de cachorro. Além de maus tratos, eles responderão por cárcere privado e lesão corporal, mas como não possuem antecedentes criminais, devem ser soltos.

Entretanto, eles perderão a guarda dos filhos, serão monitorados 24h por dia pela Justiça, além de não poderem chegar perto deles, por meio de medidas cautelares. No local onde moram, a Polícia encontrou um ambiente completamente sujo, com fezes de animais espalhados em todos os lugares.

Todas as 4 crianças foram encontradas com sintomas de desnutrição. Elas foram hospitalizadas e passam bem. A denúncia foi feita pela diretora onde as garotas estudavam, após uma dela passar mal durante uma prova. Os advogados de defesa, e nem os pais, explicaram os motivos dos maus tratos.

O Correio do Interior é produzido por jornalistas que apuram e chegacam informações dos fatos diariamente notíciados no jornal.