PUBLICIDADE

Pai usa anestésico de dor para estuprar filha de 1 ano

Igor Juan

30 de novembro de 2021
Atualização:30 nov 2021 às 20:42

Um caso de abuso sexual tem chamado atenção e chocado os moradores da pacata cidade de Itauçu, no estado de Goiás, uma menina de 1 ano de idade foi estuprada pelo pai que usou anestésico xilocaína para cometer o ato.

O caso foi descoberto pela mãe da criança que percebeu diversos ferimentos nas martes intimas da filha, além de marcas de sangue em cômodos da casa. O caso ocorreu no dia 27 de novembro.

A mãe da criança então acionou a Polícia que prendeu o pai sob suspeita, mas que logo confessou ter cometido o ato. A situação foi tão grave que a menina precisou passar por uma cirurgia de reconstrução das partes intimas.

O procedimento cirúrgico foi realizado no Hospital Materno Infantil, a criança ainda segue internada.

O caso está sendo apurado pela delegada Gabriela Adas, da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente, brevemente ela disse que o pai aproveitou o momento em que sua mulher  saiu de casa para ir ao supermercado e assim cometer o estupro.

Pela casa ao voltar do supermercado a mulher encontrou o marido pelado, a filha suja de sangue, cama e chão da casa também com sangue. O homem confessou para a mulher o que havia feito e fugiu. Para a delegada, ele voltou a afirmar o crime e disse que não esperava que a criança fosse se machucar tanto, que até usou anestésico.

Ainda em registro policial, o homem estava bêbado e assistia uma partida de futebol pela televisão.

Preso e elevado para delegacia de Trindade, o homem será julgado pela justiça e se condenado poderá ser ficar preso por até 15 anos  por estupro de vulnerável.

Igor Juan

Jornalista editor-chefe do Correio do Interior. Formando pela faculdade ESACM Sorocaba. Atuou na RedeTV!

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *