Miliciano Maquinho grava vídeo com esposa estuprando cachorro

Redação

22 de junho de 2021
Atualização:22 jun 2021 às 16:04

As barbaridades cometidas por criminosos como forma de se firmar como autoridade em um território a partir do medo são inúmeras. Não apenas em quantidade, como também no tipo de crime que é cometido. Há violências de todo o gênero, principalmente, contra oponentes, mas ninguém escapa de agressões, invasões, homicídios e estupros.

Nessa onda de delitos as vítimas também são variadas. Homens, mulheres, idosos, crianças e até animais. No Rio, um vídeo chamou atenção da imprensa após a polícia ter descoberto as imagens em um aparelho apreendidos. As informações são do jornal carioca O Dia.

Ao analisar o conteúdo do celular do miliciano Wellington da Silva Braga, o Ecko, morto em confronto na semana passada, os policiais acharam o vídeo de um rival – Edmilson Gomes Menezes, o Macaquinho –, com cenas chocantes. Nas imagens, Macaquinho e a esposa aparecem praticando zoofilia com um cachorro. A informação é do jornal O Dia.

Segundo os agentes que assistiram ao vídeo, teria sido o próprio miliciano quem realizou a filmagem do ato.

Manter atos sexuais com animais é crime, e entra na longa lista de ilicitudes praticadas pelo miliciano que aterroriza a Zona Oeste do Rio. Segundo o código penal, a pena prevista para zoofilia é a detenção, de dois a quatro anos, além de multa.

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *