Jovem com perfil falso que se dizia ter matado Aline Dantas e Vitória Gabrielly pede desculpa aos familiares após ser detido


14/09/2019 l Atualizada em - 14/09/2019 às 12:17

A Polícia Civil identificou na tarde desta sexta-feira (13) o suspeito que através de um perfil falso pelas redes sociais, se dizia ter assassinado a jovem Aline Silva Dantas, de 19 anos, em Alumínio,  e de também ter participado da morte da adolescente Vitória Gabrielly, crime que ocorreu em junho de 2018 em Araçariguama.

De acordo com a Polícia, o jovem identificado unicamente pelo seu real nome, André, foi identificado pelos investigadores após ter enviado mensagens aos familiares das duas jovens, pela madrugada de sexta-feira, dizendo ter cometido os dois crimes. O homem, que é morador da cidade vizinha Araçariguama, foi levado à delegacia para prestar esclarecimentos à polícia.

O jovem aparentemente com sinais de problemas mentais, alegou que estava nervoso e embriagado no dia em que deixou recados para o pai da jovem Vitória Gabrielly em uma rede social, às 4h da madrugada.

Na mensagem ele dizia: “Fui eu. Matei Aline e Vitória Garbrielly”, escreveu.

Em outro comentário público o homem voltou a falar sobre os dois casos. “Realmente fui eu que matei Aline. Ninguém me pegou ano passado. Fui eu que matei Vitória Gabrielly. Agora vou matar mais uma menina. Ninguém vai me pegar.”

Após ser ouvido pela delegada do caso, Luciane Bachir, o jovem foi liberado por ser constatado que ele sofre de transtornos mentais e, por isso, não pode ser responsabilizado pelo caso, e se pudesse possivelmente irá responder por falsa comunicação de crime.

Após ser liberado, na saída da delegacia, em meios aos jornalista, o jovem pediu desculpas aos familiares de Aline Dantas e Beto Vaz, pai da jovem Vitória Gabrielly,

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *