Homem é preso com mais de mil porções de drogas em Salto
PUBLICIDADE

Homem é preso com mais de mil porções de drogas em Salto

Gabriel Kazuo

14 de abril de 2021
Atualização:14 abr 2021 às 15:31

Um home foi preso na manhã de terça-feira (13) na cidade de  Salto, com mais de mil porções de drogas para venda. Ele foi encontrado no Bairro Bom Retiro, após uma patrulha da Guarda Municipal.

Além das 1443 porções de cocaína, 245 de maconha e 500 pinos para embalar as porções de droga, foram apreendidos um celular, dinheiro em espécie e uma arma de fogo.

Ele foi conduzido para a delegacia da cidade onde o caso foi registrado.

Suspeito de integrar quadrilha que desviou R$ 2,5 milhões de contas bancárias morre após contrair covid-19

Um homem acusado de integrar uma quadrilha, que desviou mais de R$ 2,5 milhões de contas bancárias, morreu com covid-19 dias antes de ser preso pela Polícia Civil. De acordo com as investigações, por meio de fraude, o grupo acessava contas e fazia diversos pagamentos e transferências.

Agentes da 3ª Delegacia de Polícia sobre Violação de Dispositivos Eletrônicos e Redes de Dados (DCCIBER/ DEIC), que investigavam o esquema criminoso, cumpriram mandados de busca e apreensão nas residências dos acusados na manhã desta terça-feira (13).

Durante a ação, os policiais descobriram que um deles havia falecido, dias antes, em decorrência da covid-19. Nos imóveis foram apreendidos celulares, notebooks, dinheiro e um veículo, todos pertencentes aos suspeitos e que agora passarão por perícia.

De acordo com as investigações, a fraude era realizada por três homens que eram funcionários terceirizados de uma instituição bancária e, através de alterações nos sistemas, conseguiram acesso às contas bancárias de pessoas jurídicas e efetuaram diversos pagamentos e transferências. Os acusados vão responder por associação criminosa, furto mediante fraude e lavagem de dinheiro.

 

Gabriel Kazuo

Formando em jornalismo pela faculdade ESAMC, é jornalista de editoria geral no Correio do Interior. [email protected]

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *