Datena vai encarar Bolsonaro e Lula, e tentar ser presidente do Brasil

Igor Juan

2 de julho de 2021
Atualização:02 jul 2021 às 11:47

Em meio as expectativas das eleições de 2022, e no vai não vai, agora está aparentemente tudo certo para o jornalista e apresentador do telejornal Brasil Urgente, exibido de segunda a sábado na TV Band, José Luiz Datena, ser candidato a presidente do Brasil.

Tudo está ‘aparentemente certo’ porque o jornalista diz que está basicamente fechado com o partido PSL. Afirmação foi dita a colunista Mônica Bergman da Folha de São Paulo.

Resta apenas o partido tomar as decisões finais e ajuste de então candidatos, ao que destacado por Datena a jornalista. O martelo só será batido para dizer se Datena vai para briga eleitoral, mediante avaliações de pesquisas que ainda serão lançadas.

O jornalista muito duro em algumas de suas palavras ao que todos acompanham pelo telejornal que apresenta já deixou claro ao presidente do partido, Luciano Bivar e Baleia Rosi do MDB, que fará oposição a Jair Bolsonaro (sem partido) e Lula (PT), mas caso precise mudar os planos se ser candidato a Governador de São Paulo, ou então Senador, não fará oposição a nenhum dos dois.

A tempo em que muito acompanham o vai não vai e incerteza de José Luiz Datena entrar para Política. Mas dessa vez parece que ele está bem decidido.

O Correio do Interior procurou o PSL – Partido Social Liberal para questionar sobre pesquisas que tenham o nome de Datena, mas não obtivemos retorno até o fechamento dessa matéria. Caso Datena venha a oficialmente disputar as eleições, conforme determina lei, ele terá que se afastar da TV, até mesmo para se dedicar a sua campanha e apresentação do programa que deve ficar para seu filho o jornalista Joel Datena ou Lucas Martins.

Vale destacar que o PSL era o partido do Presidente Bolsonaro quando eleito em 2019. Ele acabou expulso após um desentendimento entre as partes.

 

 

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *