Crianças são resgatadas convivendo com 300 cachorros e sob risco
PUBLICIDADE

Crianças são resgatadas convivendo com 300 cachorros e sob risco

Gabriel Kazuo

3 de agosto de 2021
Atualização:03 ago 2021 às 13:45

A GCM de Cotia resgatou na madrugada de domingo 1 de agosto duas crianças menores de idade, vivendo em um ambiente de extrema insalubridade e risco com 300 cães e gatos em meio a muita sujeira e fezes animal.

Tudo começou por meio de uma denúncia anônima, onde a GCM foi chamada para apartar uma briga de casal em uma casa da cidade. Segundo os relatos, a briga do casal, que vivia em um sobrado, teria se originado, após o marido se recusar a viver com sua mulher, que era uma acumuladora de animais.

O sobrado onde viviam era bem pequeno, e nele, foram encontrados 300 animais, que viviam em meio à sujeira e fezes, junto com a família, em uma situação completamente insalubre. Os moradores da casa viviam em condição de pobreza, e a principal fonte de renda era os salgados que o marido vendia em São Paulo. Ele contou que o excesso de animais em casa chegava a atrapalhar as vendas, pois ops pelos dos animais acabavam parando na comida.

Após serem autuados, a GCM e a Zoonoses levaram os animais para uma ONG e as crianças foram parar num abrigo para menores, onde um juiz da Vara da Criança irá estudar se elas podem continuar vivendo com os pais, ou se vão para adoção ou casa de parentes. O casal irá responder por dois crimes: abuso de animais e maus-tratos em crianças.

Gabriel Kazuo

Formando em jornalismo pela faculdade ESAMC, é jornalista de editoria geral no Correio do Interior. [email protected]

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *