Conselho Municipal de Saúde discute manutenção e implantação de projetos


14/09/2018 l Atualizada em - 14/09/2018 às 10:55

O Conselho Municipal de Saúde e a Secretaria de Saúde de Mairinque realizaram no inicio desta semana (10), uma reunião deliberativa sobre projetos relacionados à humanização dos atendimentos aos usuários do Sistema Único de Saúde – SUS e ao Plano de Contingência das Arboviroses.

Na ocasião, foram expostos os projetos e abordado o modo como serão desenvolvidos em uma ação conjunta e contínua que envolve servidores, voluntários e munícipes.

O primeiro projeto discutido foi o “Construindo uma Cultura de Humanização”, que atende as diretrizes da Política Nacional de Humanização proposta pelo Ministério da Saúde e tem como objetivo trabalhar a saúde mental dos profissionais da área, a prevenção de doenças, a melhora das relações de trabalho e a qualidade dos serviços prestados à população.

A Secretária de Saúde, Hozana Marcelino, explica como funciona a atividade no município. “O projeto é realizado desde maio deste ano e o intuito de sua manutenção é dar continuidade às ações que envolvem consultas e conversas com psicólogas, que ficam à disposição dos funcionários da saúde duas vezes por semana”.

Já o “Plano de Contingência das Arboviroses” tem a finalidade de auxiliar e orientar os servidores públicos e cidadãos na luta contra o mosquito transmissor da dengue, zika vírus, febre chikungunya e febre amarela e, como ponto de inovação, a criação de uma “Brigada Contra o Aedes Aegypti”, que atuará nas repartições públicas, vistoriando os prédios públicos para que não haja focos do vetor.

“Ambos os projetos foram muito bem recebidos e não há dúvida que seriam aprovados. Um se dedica a educação e humanização em saúde, um antigo sonho de virar o olhar para o trabalhador, qualificando-o e auxiliando-o em seus anseios para que possa cada vez mais dedicar-se à recuperação da saúde dos pacientes que lhes são submetidos. O outro projeto só vem para melhorar ainda mais as ações preventivas do município com relação ao mosquito transmissor da dengue e de outras doenças”, comentou a Presidente do Conselho de Saúde, Maria Eduarda Leite Amaral.

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *