Bolsonaro se pronuncia sobre problemas no ENEM 2019

Gabriel Kazuo - Correio do Interior

28/01/2020 l Atualização 28/01/2020 às 20:37

Presidente afirma que situação é complicada e insinua que houve uma sabotagem

O Presidente Jair Bolsonaro reconheceu, na manhã de hoje (28), que houveram falhas na correção do ENEM 2019 e levantou a suspeita de que pudesse ter acontecido alguma sabotagem no envio dos gabaritos para a correção.

“Está complicado, eu tenho conversado com ele ministro do MEC, Abraham Weintraub para ver o que está acontecendo. Se realmente foi uma falha nossa, se tem uma falha humana, sabotagem, seja lá o que for, temos que chegar no final de linha e apurar isso ai. Não pode acontecer isso. E nós sabemos que tudo está na mesa. Eu não quero me precipitar e dizer o que deve ter acontecido com Enem”, relatou, em entrevista no Palácio da Alvorada, em Brasília.

As informações iniciais, divulgadas pelo Ministro da Educação, Abraham Weitraub, eram de que os erros aconteceram na gráfica onde os gabaritos eram imprimidos. Os relatos de erros na nota do ENEM começaram no dia da divulgação das notas, no dia 17 de Janeiro.

Esses erros impactaram em classificações erradas no SISU, cuja divulgação dos resultados foi suspensa pela Justiça de São Paulo e na tarde de ontem (27), o MEC informou que suspendeu a abertura das inscrições no ProUni, até que o problema das notas do ENEM fosse resolvido.

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *