Aviões começam a sobrevoar aeroporto em São Roque


02/12/2019 l Atualizada em - 02/12/2019 às 11:03

Aguardando inauguração, empreendimento ocupa área de 2 milhões de metros quadrados.

Muito próximo de seu funcionamento em definitivo, o Aeroporto Internacional Catarina, localizado em São Roque, recebeu no domingo (01), alguns voos de testes, realizados pela Força Aérea Brasileira.

Os testes realizados com os aviões que sobrevoaram o local, testaram se os dados fornecidos pelos equipamentos de auxílios à navegação – instalados dentro e fora do aeroporto são confiáveis. Esses equipamentos enviam informações às aeronaves, indicando o caminho que deve ser seguido. Eles balizam os pilotos para pousos e decolagens não só em condições normais de tempo, mas também em condições desfavorável.

As obras do empreendimento estão prontas e o plano da administradora e dona do aeroporto, o grupo JHSF, é de inaugurar o primeiro aeroporto da cidade de São Roque ainda este ano, mas ainda não há data prevista para a inauguração ao que apurado pelo Correio do Interior.

Localizado no km 62 da rodovia Castelo Branco, em frente ao Outlet Catarina, os dois empreendimentos da JHSF, fazem parte do plano de desenvolvimento econômico do ex-prefeito Daniel de Oliveira que em 2013 trouxe os empreendimentos para o município.  Apenas aeroporto que futuramente poderá desafogar o tráfego aéreo de demais aeroportos, como Guarulhos e Viracopos, ocupa uma área de 2 milhões de metros quadrados.

Segundo o grupo JHSF, o foco do empreendimento será direcionado para aviação de negócios, popularmente conhecida no país como “aviação executiva”. A modalidade utiliza aviões de pequeno porte para o transporte de poucos passageiros, ao contrário das grandes operações que envolvem centenas de passageiros tão característica dos voos comerciais. Mas ao que apurado, possibilidades futura de Governo, podem fazer com que o empreendimento torne-se um aeroporto comercial.

A expectativa é de que o empreendimento impulsione a economia local, não apenas com a injeção de um novo negócio na região mas também com a geração de milhares de empregos. A mão de obra utilizada na construção e implementação será colhida também pelas cidades da região.

Um comentários

  1. Silvio Ramos da Silva

    06/12/2019 at 12:53

    Sou morado aqui cidade Mairinque, estou a 5km do Aeroporto. Vai ser bom demais, vai trazer muito emprego.

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *