Correio do Interior

A Serviço da informação

28 de setembro de 2018

email

Após subornar PM em Sorocaba, Cristian Cravinhos é condenado a 4 anos de prisão

By on 9 de outubro de 2018

A justiça condenou a quatro anos e oito meses de prisão, Cristian Cravinhos após ter subornado um grupo de policiais em abril deste ano em Sorocaba (SP), cidade no qual morava com sua namorada.

O caso ocorreu após Cristian subornar os polícias em uma situação em que agrediu sua namorada em um bar. Pessoas que testemunharam ocorrido acionaram a policia que logou chegou ao local, e Cristian ofereceu uma quantia em dinheiro aos PMs para que não fosse preso pelo caso de agressão, uma vez que o mesmo estava em regime aberto, pelo assassinato do casal Von Richthofen em outubro de 2002.

Ainda no local em que tentou dar dinheiro aos policiais, Cristian estava armado. Ele foi absolvido pelo porte ilegal de arma, mas a condenado pela ação de suborno foi mantida.

O advogado de Cristian, Ivan Peterson, disse que vai recorrer da sentença por não com a condenação. Por quatro vezes o advogado de Cristian, tentou a revogação da prisão preventiva, mas todos os pedidos foram negados. A última tentativa foi recorrer ao Superior Tribunal de Justiça (STJ), que também indeferiu o pedido.

A então vítima de agressão no caso de suborno também não registrou o caso em Boletim de Ocorrência.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *